Em Seminário do Ministério da Cidadania Prefeito Izauri Fala sobre Programa Primeira Infância 150 crianças atendidas em Naviraí

  • Assessoria de Imprensa
  • 2 de dezembro de 2019
  • Gerência de Assistência Social

Nos dias 28 e 29 de novembro o prefeito Dr. Izauri Macedo participou em Campo Grande de um Seminário direcionado e destinado para gestores do Programa Primeira Infância do SUAS – Criança Feliz. O evento contou com a presença de autoridades como a Secretaria de Assistência Social do Estado Elisa Cleia Pinheiro, de prefeitos do estado, da Secretaria Nacional do Suas e Ministério da Cidadania Marina Neris que no ato representou o ministro Osmar Terra.

O prefeito Izauri ao fazer uso da palavra no evento, detalhou aos presentes todo o trabalho realizado pelo município com programas voltados para a criança, em especial as 150 atendidas pelo Criança Feliz. Izauri comentou que sempre foi prioridade a busca de politicas públicas assistindo a todas as famílias vulneráveis no município, destacando o trabalho de sua equipe técnica que está sempre atenta a solucionar os problemas existentes.

Foto – Assistência Social

O prefeito dos naviraienses, doutor Izauri Macedo, acompanhado da titular da Gerência Municipal de Assistência Social, Marizélia Mazzini Medeiros e as visitadoras do Criança Feliz, participaram do I Encontro Estadual de Visitadores do Programa Primeira Infância no SUAS – Criança Feliz no Estado de Mao Grosso do Sul.

Segundo Marizélia Medeiros, “o Programa Criança Feliz foi instituído em 2016, com caráter intersetorial, tendo em vista promover o desenvolvimento integral das crianças na primeira infância, considerando sua família e seu contexto de vida. O programa fortalece a trajetória brasileira de enfrentamento da pobreza com redução de vulnerabilidade e desigualdades e potencializa a integração de acesso a renda com inclusão em serviços e programas. Renova, ainda, os compromissos do Brasil com a atenção às crianças com deficiência do BPC (Benefício de Prestação Continuada) e suas famílias e também as crianças privadas do convívio familiar, em serviços de acolhimento, e suas famílias”.

Marizélia explicou que em Mato Grosso do Sul dos 58 municípios elegíveis, apenas 28 fizeram a adesão ao programa.

A gerente de Assistência Social de Naviraí esclareceu que “as visitas domiciliares realizadas aos indivíduos identificados como público do Programa dar-se-ão a partir de ação planejada e sistemática, realizada pelos visitadores orientada e supervisionada pelo supervisor, com metodologia específica definida pela Secretaria Nacional de Promoção do Desenvolvimento Humano para atenção e apoio à família, ao fortalecimento de vínculos e aos estímulos ao desenvolvimento infantil, observada as especificidades do Sistema Único de Assistência Social (SUAS), sendo referenciadas ao Centro de Referência de Assistência Social (CRAS), que deverá articular sua oferta com a dos demais serviços socioassistenciais e com as demais políticas públicas setoriais, com vistas à atenção à integralidade das demandas das famílias”.

Para Marizélia Mazzini, esse encontro serviu para proporcionar momentos de aprendizado e troca de experiências com a finalidade de melhorar ainda mais as ações do programa entre os visitadores.